Logotipo Original Sunne
Extensão de tomada branca, mas com pequenas mudas de plantas nos seis locais de encaixe da tomada para exemplificar artigo sobre O que são práticas ESG e 4 motivos para implementar na sua empresa

O que são práticas ESG e 4 motivos para implementar na sua empresa

Já se perguntou o que são práticas ESG? Essas três letrinhas vem ganhando mais força assim como muita importância no mundo corporativo aplicando critérios relacionados a fatores ambientais, sociais e de governança.

A sigla ESG (Environmental, Social and Governance) se refere a prática de cunho ambiental, social e de governança de uma empresa que, inclusive, está se tornando um critério para investimentos ao redor do mundo.

Quem hoje em dia pensa que empresas, com uma cultura sustentável e que exercita essa cultura dentro e fora da empresa, seja uma empresa com menos lucro. Você pode achar isso, mas os dados mostram exemplos de ESG que podem te surpreender.

Os pilares para implementar ESG nas empresas é necessário, já que cada vez mais o público, além dos stakeholders, preza pela transparência e responsabilidade sobre as ações que uma empresa faz.

Portanto, fica a questão sobre o que são práticas de ESG, quais são os pilares para implementar o ESG na sua vida e se temos exemplos de ESG no Brasil mesmo que possam inspirar a mudança no seu negócio. Para descobrir tudo isso e um pouco mais ao longo desse artigo e saiba como adotar essas práticas ESG na sua empresa também.

Lupa com sigla ESG e símbolos de sustentabilidade Como conseguir certificação ESG para sua empresa

Vamos começar pelo começo, o que é ESG?

A ESG foi criada há quase 20 anos numa reunião de banqueiros patrocinada pela Organização das Nações Unidas (ONU), o objetivo da ESG, na época, era firmar um pacto global, mas acabou se tornando um critério nos negócios.

Após esse evento promovido pela ONU, Ambiente, Social e Governança (ESG) não se tornou um documento apenas falando o que são práticas ESG esperadas, mas sim, um documento adotado pelo mercado corporativo desde as grandes e pequenas empresas. 

A pergunta “o que é ESG?” passa então rapidamente para “quais são os pilares para implementar ESG na minha empresa?”, significando que o ESG parou de ser uma tendência para se tornar crucial em todas as empresas, inclusive, na sua, afinal o objetivo é ser um dos exemplos de ESG.

O que são práticas de ESG

Quando falamos perguntamos o que são práticas ESG, estamos falando sobre as práticas relacionadas ao meio ambiente, a nossa sociedade e as práticas de governança nas empresas. As siglas são métodos de indicação e um direcionamento de como as empresas e organizações podem implementar e promover um ambiente mais sustentável.

Além de se comprometer com a responsabilidade de tornar uma comunidade ou a sociedade no geral mais consciente do seu papel na preservação do planeta ao minimizar os impactos no meio ambiente. 

Algo que é interessante que você saiba é que hoje em dia, os Millennials são hoje a maior força de trabalho e eles estão cada vez mais interessados em fazer com que a sociedade seja mais justa, igualitária e sustentável. 

Inclusive, mais de 63% dos Millennials consideram o compromisso em relação às práticas sociais e ambientais ao decidirem entrar numa empresa. Esse comportamento também influencia a geração seguinte aos Millennials, a geração Y.

Ainda na pesquisa, 88% dos Millennials dizem que seu trabalho é mais gratificante quando recebem oportunidades para causar um impacto positivo nas questões sociais e ambientais, ou seja, uma empresa-exemplo de ESG.

Mas, o que são as práticas de ESG? Vamos entrar um pouco mais no assunto e se aprofundar no significado de cada sigla para que você conheça os pilares para implementar ESG na sua empresa.

Práticas ambientais (Environmental)

O primeiro pilar e prática de ESG é o Ambiental, ou Environmental, que são ações voltadas para a preservação ambiental, sobre como fazer a gestão de resíduos, diminuir as emissões de carbono, ser eficientemente energético adotando energias renováveis e preservar o planeta ao limitar os recursos naturais.

Práticas Sociais (Social)

Já a segunda prática de ESG é a de cunho social, pois está relacionada ao impacto social que a empresa causa na comunidade e também entre seus stakeholders. 

Algumas empresas focam em direitos humanos, equidade profissional, oferecem oportunidades igualitárias, inclusão, diversidade e também no investimento em projetos sociais na comunidade onde a empresa está inserida.

Práticas de Governança (Governance)

O último pilar ou a última prática de ESG é a de governança sobre como a forma a empresa é gerida e gerenciada, pois incluem questões sobre transparência, responsabilidade e ética nos negócios. 

Negligenciar essa prática não é recomendado, já que essa é uma forma também de garantir que a empresa seja gerenciada de forma responsável e que esteja alinhada aos mesmos interesses dos stakeholders (funcionários até o cliente final).

É sempre bom lembrar que os pilares para implementar ESG não são apenas questões de normas internas ou cumprir determinados regulamentos, mas elevar a consciência das pessoas sobre como manter um ambiente e planeta sustentáveis a longo prazo. 

Até porque as práticas ESG estão estimulando várias empresas a aderirem à Agenda 2030, pois segundo o Pacto Global da ONU e Accenture, publicado esse ano, fala que 87% dos CEOs entendem que as mudanças terão impactos na entrega dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS).

Conheça as principais tendências sustentáveis para empresas e transforme a sua em um modelo

4 Motivos para adotar práticas ESG

As práticas ESG (ambientais, sociais e de governança) são adotadas pelas empresas por diversos motivos. Afinal, estudo da International Finance Corporation (IFC) aponta que, até 2030, negócios verdes vão movimentar mais de US$ 23 trilhões no mundo.

1. Incentiva investimentos

Adotar o que são ESG, de fato, conseguem atrair mais investimentos, pois vão demonstrar ser uma empresa com controle dos seus gastos e custos.

2. Melhor desempenho financeiro

Outro motivo é o fator do melhor desempenho, pois consegue otimizar processos, além de poupar recursos.

3. Consegue ter profissionais talentosos

Como falamos mais acima, jovens tendem a permanecer em empresas que estão comprometidas com os pilares ESG, qualificação profissional; a probabilidade de reter talentos é maior.

4. Melhor relacionamento com stakeholders (investidores até o cliente final)

Empresas-exemplos de ESG conseguem fortalecer o relacionamento e fidelizar clientes, investidores, colaboradores e atrair mais pessoas que se identificam com os valores da sua empresa.

Toda empresa pode usar os pilares da ESG e implementar na sua empresa, sendo ela grande ou pequena. Porque além de ser sustentável, é uma ação estratégica.

Empresas que têm ESG no Brasil

Caso você ainda não tenha percebido, o mundo está mudando e se preocupando muito mais com o meio ambiente. Mas, o que são práticas ESG, se não forem postas em prática? Por isso, várias empresas, grandes ou pequenas, estão adotando métodos e formas de cuidar do planeta.

Há algum tempo algumas empresas estão sendo exemplos de ESG, essas empresas destacam-se por seu compromisso com a sustentabilidade e responsabilidade corporativa. Algumas dessas empresas você já deve conhecer:

  • Natura 

Empresa brasileira de cosméticos, com um compromisso forte e uma meta ousada de zerar completamente todas as suas emissões de gás poluentes até 2030, usa na composição de seus produtos ingredientes naturais e ainda participa ativamente na preservação da Amazônia.

  • Boticário

Referência nacional em perfumaria se destaca na área de reciclagem e desenvolvimento sustentável, com mais de 40 anos com prática de reutilização de insumos e eficiência energética.

Além disso, tem uma meta de solucionar 150% dos resíduos gerados por seus consumidores e fornecedores.

  • Coca-cola

Implementou uma nova prática ESG na empresa e ambiciona recolher e reciclar 100% de suas embalagens e devolver até 100% da água usada nos processos de produção até 2030.

  • Nubank

Uma fintech brasileira que busca se destacar na promoção da inclusão financeira, aderindo também a políticas de diversidade e inclusão, além de diminuir seus impactos ambientais.

Essas são só algumas que implantaram os pilares ESG, mas existem outras que estão adotando abordagens únicas ou semelhantes.

Sua empresa pode começar a adotar práticas ESG

Agora que você sabe o que são práticas ESG e quais empresas são exemplos de ESG, caso ainda não teve oportunidade de usar os pilares para implementar ESG, a Sunne pode ajudar nesse caso.

Não só podemos ajudar, como ainda podemos ajudar você a economizar dinheiro com a conta de luz da sua empresa. Para dar o primeiro passo, basta contratar energia por assinatura e partir daí!

Banner para incentivo de assinatura de energia por assinatura para usuários interessados

A primeira Inteligência Artificial do setor de energia!

Descubra em primeira mão como essa plataforma irá revolucionar o setor e os seus resultados.