Logotipo Original Sunne
Quais são os tipos de energia limpa? + Vantagens de cada um deles

Quais são os tipos de energia limpa? + Vantagens de cada um deles 

A COP (Conferência das Partes), é a maior conferência sobre mudanças climáticas do mundo. Na edição do ano passado, 2022, uma das maiores pautas foi o incentivo do uso de energia limpa e só sobre isso o que falaremos neste artigo. 

Afinal, o que é energia limpa? Quais são os tipos de energia limpa? Qual sua importância? Saiba de todos os detalhes, e o melhor, como você mesmo pode adotar essa prática sustentável. 

O que é energia limpa? 

O conceito de energia limpa pode ser um pouco controverso, pois dependendo da fonte de pesquisa, as definições têm uma principal diferença. 

Algumas a descrevem como qualquer tipo de energia renovável. Enquanto outros somente enquadram em tipos de energia limpa aquela que, além de renováveis, não emitem nenhum tipo de poluente.

Neste artigo, abordaremos ambos os conceitos, explicando melhor sobre como cada tipo funciona. Mas, de qualquer forma, o conceito diz respeito às fontes que agridem pouco ou nada o meio ambiente. 

Por causarem menos impacto ambiental, se comparadas às energias não renováveis, o incentivo de seu uso é grande. 

Em encontros internacionais de organizações governamentais e/ou ambientais, por exemplo, essa questão está sempre em pauta. 

O que é energia NÃO LIMPA? 

Já que estamos falando sobre isso, e logo falaremos sobre os tipos de energia, primeiro vamos esclarecer o que são as fontes não limpas. 

Os combustíveis fósseis (petróleo, carvão mineral e gás natural), assim como combustíveis nucleares, estão entre os exemplos. Além de não serem renováveis, ainda degradam o meio ambiente desde a extração até o momento da geração. 

Conheça o que todas essas fontes causam ao meio ambiente e a nossa própria qualidade de vida, e então, irá entender a importância da energia limpa: 

  • poluição: emitem gases tóxicos responsáveis pelo efeito estufa e poluição do ar, além do descarte de dejetos (poluição do solo) e até mesmo os que geram poluição sonora, devido ao barulho dos maquinários; 
  • desmatamento: a retirada total ou parcial da vegetação, causando alteração na flora e até mesmo na fauna, prejudicando a sobrevivência de alguns animais;  
  • aquecimento global: responsável por alterações climáticas prejudiciais ao meio ambiente e até mesmo a nossa sobrevivência, qualidade de vida, plantações, etc. A poluição e o desmatamento entram nesse quesito. 
  • esgotamento de fontes: todas as matérias-primas das energias não renováveis usam fontes naturais esgotáveis, o que pode levar a uma extinção em massa desses recursos. O petróleo, por exemplo, ocasiona até mesmo fortes confrontos entre alguns países. 

Portanto, todos os tipos de energia limpa, ou causam impacto mínimo dos itens acima, ou não causam a maioria (ou nenhum) deles. 

Principais tipos de energia limpa do mundo 

Agora, é a hora de conhecer quais são as fontes de energia limpa. Fique até o final para uma surpresa! 

Hidráulica

Esse é um dos principais tipos de energia renovável. No Brasil, por exemplo, ainda é o mais utilizado, representando, em média, 70% de toda a nossa geração de energia

É a energia promovida pelas águas dos reservatórios, que ativam as turbinas das usinas hidrelétricas, gerando energia mecânica, que por sua vez, chega a um canal de descarga até finalmente chegar ao alternador. O último processo é feito por ele, ao transformar energia mecânica em elétrica. 

A hidráulica é considerada limpa por ser renovável, mas sim, a construção das usinas causa certos impactos ambientais como a desordens no curso dos rios, alteração da vida aquática e plantações, desmatamento e emissão de gases poluentes.  

Maremotriz

A energia maremotriz é outro exemplo dos tipos de energia limpa, e tem o mar como fonte de geração. Próximo ao oceano, são instaladas turbinas capazes de transformar a energia das ondas do mar em eletricidade.

Ela não produz nenhum poluente, mas como se apropria dos mares, o ecossistema próximo à instalação sofre certos impactos. 

Geotérmica

Abaixo da superfície da Terra, há o magma, estrutura com alta temperatura, a ponto de ferver as águas subterrâneas. Assim que essas águas fervem, soltam um vapor, que quando é capturado por tubos e canos, consegue gerar energia. 

Nesse caso, não se queima nada que emita agentes tóxicos e consequentemente traga malefícios ao meio-ambiente. Outro ponto positivo, é sobre a energia geotérmica também não desmatar ou prejudicar ambientes aquáticos como os tipos acima. 

Por outro lado, apenas se a instalação for em regiões frias demais, os anti-gelificantes necessários na geração de energia, são poluentes, mas em baixa quantidade. 

Biomassa 

A matéria-prima da Biomassa são, na verdade, matérias orgânicas como resto de alimentos, animais, plantas e madeiras. Tudo isso é transformado em combustíveis de vários estados, como líquido, sólido e gasoso. 

A biomassa diminui a emissão de carbono e enxofre, e por isso auxilia enfraquece o efeito estufa, mas tem a desvantagem de causar desmatamento e contribuir para a chuva ácida.  

Eólica

Resumidamente, ela tem o vento como o gerador de energia, captado por turbinas de duas ou três pás, como uma espécie de “ventilador”. Esse movimento se trata de energia mecânica, mas que logo é transformada em eletricidade por um gerador. 

O recurso é inesgotável, o processo não causa poluição ou desmatamento, e por isso é considerado um dos melhores tipos de energia limpa. Apesar disso, afetam a migração de aves e os geradores são bem barulhentos, e a poluição sonora é evidente.  

Solar

Além da eólica, há outro tipo de energia limpa bastante sustentável, limpo e inesgotável, mas além de tudo, é acessível. 

O funcionamento da energia solar é relativamente simples: o sol gera uma energia, a qual é captada por placas fotovoltaicas. Depois das placas, um equipamento (conversor) a converte em energia elétrica e aplica nos postes de luz das concessionárias estaduais. 

Não há nenhuma emissão de poluentes ou qualquer outra desvantagem das energias não-renováveis, como desmatamento, impacto aquático, do solo, na fauna, etc. 

O melhor sobre ela é o fato de ser acessível, pois basta contratar uma empresa especializada e o consumidor usufruirá não apenas de uma energia limpa, mas dos benefícios econômicos que vem junto a ela. 

Reduzir em até 20% o valor das suas contas de luz, faria diferença para você? 

Plano de assinatura de energia solar: conheça as vantagens 

Se a proposta acima te interessou, precisa conhecer os serviços que a Sunne oferece, e as vantagens deles:

  • redução mensal de até 20% nos boletos de energia elétrica;
  • sem instalação;
  • sem reformas;
  • tudo 100% digital. 

Faça parte do time de pessoas com atitudes sustentáveis, e de bônus, economize!